Seja Bem vindo!
WEINERT - 05/01/2024
NORTHON MOTTA-02/07/20
A RADIOCIDADE
Giana - 08/06/24
28/02/2024
trilegal-21/09/22
Saúde

Hospitais de pequeno porte da Região Missioneira receberão R$ 1,25 milhão em investimentos

Hospitais de pequeno porte da Região Missioneira receberão R$ 1,25 milhão em investimentos
06/06/2024 às 16:06

O governo do Estado, por meio da Secretaria da Saúde (SES), investirá R$ 1,25 milhão para qualificar o atendimento em três hospitais de pequeno porte (HPPs) na Região Missioneira. O anúncio foi feito ontem (5/6) pela titular da SES, Arita Bergmann, durante assinatura do convênio com as instituições.

Os recursos fazem parte do programa Avançar Mais, voltado para a ampliação e qualificação da rede de saúde no Estado e somam R$ 5,7 milhões, firmados nesta quarta-feira com 15 hospitais com até 50 leitos e que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS). No total, desde agosto do ano passado, estão sendo investidos R$ 38,9 milhões em HPPs do Rio Grande do Sul.

O Hospital São Miguel, em São Miguel das Missões, receberá R$ 750 mil para a aquisição de equipamentos. Outros R$ 338,3 mil serão investidos na reforma do Hospital Roque Gonzales, em Caibaté. O Estado ainda investirá mais R$ 162,5 mil em Porto Lucena, na Associação Hospital São José, para reformar e ampliar o espaço que vai receber a central de material esterilizado.

“Esse ato é uma virada de página nos dias sombrios que vivemos no mês de maio. Independentemente do momento que estamos vivendo. A secretaria tem mantido o cuidado para que os programas estruturantes de governo continuem. É fundamental manter a energia para reconstruir o Estado do Rio Grande do Sul”, disse Arita.

A secretária da Saúde também destacou a importância dos hospitais de pequeno porte para o SUS. “Os hospitais de pequeno porte têm a missão de ser a porta de entrada do cidadão em seu município e em sua região para resolver problemas. E muitos problemas têm solução local, não havendo necessidade de transferência para um serviço de maior complexidade. Ter essa rede de apoio diminui a demanda”, explicou.

 

Fonte: Governo do Estado do Rio Grande do Sul
TRILEGAL - 17/06/24
28/02/2024
NORTHON MOTTA-02/07/20
DENGUE - 03/06/24
WEINERT - 05/01/2024
A RADIOCIDADE