Seja Bem vindo!
NORTHON MOTTA-02/07/20
Giana - 08/06/24
A RADIOCIDADE
WEINERT - 05/01/2024
28/02/2024
trilegal-21/09/22
Saúde

Após enchentes, RS registra mais uma morte por leptospirose

Após enchentes, RS registra mais uma morte por leptospirose
22/05/2024 às 11:05

Com as fortes chuvas que assolaram o Rio Grande do Sul, causando enchentes em grande parte do Estado, os casos de leptospirose estão aumentando. Nesta terça-feira (21), a prefeitura de Venâncio Aires, no Vale do Rio Pardo, confirmou a morte de um homem de 33 anos que teve contato com a água contaminada na cheia que atingiu a região.

Conforme a prefeitura, o óbito ocorreu no dia 17 de maio. A vítima ainda não teve o nome divulgado pelo município. Com mais esse caso, são duas mortes provocada pela doença no estado em 2024. O outro caso ocorreu no município de Travesseiro, no Vale do Taquari. Eldo Gross, de 67 anos, morreu na sexta-feira, 18 de maio e teve a confirmação do óbito pela doença na segunda-feira. 20 de maio.

A leptospirose é uma doença transmitida pela urina de ratos que se mistura na água suja. A médica pneumologista e mestre em medicina tropical pela Fiocruz Letícia Oliveira Dias explica que, além da lesptospirose, a população deveria se preocupar com a hepatite A.

“Situações de enchente oferecem riscos imediatos e futuros à saúde para as pessoas que vivem na região do desastre. Entre as principais doenças que a população do Rio Grande do Sul deve se atentar estão as infecções como leptospirose, doença causada por uma bactéria encontrada na urina do rato e que pode entrar pela pele humana, hepatite A, doença transmitida por vírus presentes em alimentos ou água contaminados, além de doenças diarreicas agudas”.

O Centro de Atendimento de Doenças Infecciosas (Cadi) de Venâncio Aires informou que outros dois casos positivos de leptospirose foram registrados, porém os pacientes já estão recuperados.

WEINERT - 05/01/2024
NORTHON MOTTA-02/07/20
28/02/2024
TRILEGAL - 10/06/24
DENGUE - 03/06/24
A RADIOCIDADE