Seja Bem vindo!
28/02/2024
A RADIOCIDADE
CLUBE GAÚCHO - 27/03-2024
WEINERT - 05/01/2024
trilegal-21/09/22
NORTHON MOTTA-02/07/20
MARECHAL BEBIDAS- 17/11/22
Saúde

Santa Rosa já contabiliza neste ano 6 vezes mais casos de dengue do que teve em 2023

Santa Rosa já contabiliza neste ano 6 vezes mais casos de dengue do que teve em 2023
18/03/2024 às 10:03

Em Santa Rosa – Noroeste do RS, com uma população estimada de 77,6 mil habitantes, a dengue tem se proliferado rapidamente, gerando um conjunto de ações desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Saúde.

Segundo o titular da pasta, Délcio Stefan, as 18 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) estão realizando testagem em possíveis portadores da enfermidade, durante todo o expediente, das 7h às 17h30min.

Também são sendo feitas coletas de sangue para hemograma (média de 350/dia), sempre às 8h ou às 13h30min, que servem para avaliar as condições clínicas dos pacientes que buscaram ajuda nos postos da cidade e interior. “A contagem de plaquetas é importante para assegurar que o quadro não se agravará”, avalia Stefan.

Segundo o boletim emitido pela Fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa (FUMSSAR), desde primeiro de janeiro de 2024 até agora, foram apontadas 2641 notificações, 137 casos descartados, 1726 confirmados (contra apenas 284 em todo 2023), sendo nove internados no momento no Hospital Vida e Saúde, há ainda 778 em investigação, parte no Lacen - Laboratório Central em Porto Alegre, e o registro de dois óbitos.

De acordo com Stefan, os 108 Agentes de Saúde (ACS) e de Combate a Endemias (ACE) estão em campo, pulverizando a maior extensão possível, fazendo a visitação a casas, prédios e terrenos, limpeza de áreas consideradas de risco e a utilização de drone naqueles pontos de difícil acesso.

“Todas as ações possíveis estão em andamento. O momento é complicado ao sabermos pelo Ministério da Saúde que 75% dos casos são contraídos dentro da própria moradia do infectado”, destaca Stefan.

O secretário menciona também que no ano passado não houve geada. Na sequência o excesso de chuva aliado ao calor exagerado criaram o clima desfavorável para a população que, prematuramente, passou a sofrer com a incidência do mosquito Aedes aegypti, conclui.

TRILEGAL - 09/04/23
WEINERT - 05/01/2024
NORTHON MOTTA-02/07/20
MARECHAL BEBIDAS- 17/11/22
28/02/2024
A RADIOCIDADE