Seja Bem vindo!
WEINERT - 05/01/2024
A RADIOCIDADE
trilegal-21/09/22
NORTHON MOTTA-02/07/20
28/02/2024
Giana - 08/06/24
Política

BM nega ameaça a Bolsonaro na Expodireto; homem teve faca comprada na feira apreendida por policiais

BM nega ameaça a Bolsonaro na Expodireto; homem teve faca comprada na feira apreendida por policiais
07/03/2024 às 08:03

A Brigada Militar negou que houve ameaça ao ex-presidente Jair Bolsonaro durante a visita dele à Expodireto em Não-Me-Toque, na tarde de terça-feira (5). Um homem foi abordado pelos policiais após denúncia de que estava portando uma faca.

Segundo a BM, ele não resistiu à abordagem e a faca havia sido comprada dentro da feira, no pavilhão da Agricultura Familiar. O comandante do Comando Regional do Policiamento Ostensivo do Planalto (CRPO/Planalto), Coronel Marco Antônio dos Santos Morais, afirmou que o homem não apresentou ameaça ao ex-presidente.

— No momento  da abordagem ele estava a mais de 50 metros de onde estava o ex-presidente. Foi lavrado um termo circunstanciado pelo fato de ele estar com uma arma branca em local de reunião pública. Logo após, a faca foi apreendida, e o homem, liberado — afirmou.

Segundo o comandante, a venda de facas na feira é permitida.

Nas redes sociais, circula um vídeo da abordagem policial com a informação de que seria um atentado ao ex-presidente, o que foi negado pela BM.

O ex-secretário de comunicação do governo Bolsonaro e advogado de Jair Bolsonaro, Fabio Wajngarten, publicou em seu perfil no X (antigo Twitter) um pedido para que a Polícia Federal apure a ocorrência. Até o momento, a delegacia de Polícia Federal em Passo Fundo não recebeu nenhum registro sobre o fato.

Na tarde desta quarta-feira (6), a secretaria de Segurança Pública do RS divulgou a seguinte nota:

"No dia 5 de março, por volta das 16h, a Brigada Militar registrou ocorrência por porte de arma branca (faca) nas dependências da feira Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque.

O suspeito é um homem de 32 anos, natural e residente na região e sem antecedentes criminais. Ele chamou a atenção de populares e dos policiais militares presentes ao evento por estar com o cabo de uma faca aparente no bolso.

Abordado pelos policiais militares, o suspeito argumentou que havia comprado a faca em um dos estandes da feira e apresentou comprovante da compra.

O homem assinou um termo circunstanciado por violação do Artigo 19 da Lei das Contravenções Penais – “trazer consigo arma fora de casa ou de dependência desta, sem licença da autoridade”. O artefato foi apreendido, e o suspeito, liberado.

As autoridades gaúchas ressaltam que estão investigando o caso e que, graças à atuação da Brigada Militar, o suspeito não ofereceu risco aos participantes do evento."

 

g1/zh

WEINERT - 05/01/2024
DENGUE - 03/06/24
28/02/2024
TRILEGAL - 17/06/24
NORTHON MOTTA-02/07/20
A RADIOCIDADE