Seja Bem vindo!
Geral

Barreira sanitária já monitorou mais de 650 veículos no acesso à cidade de Santo Ângelo

17 de maio de 2020
Curta e Compatilhe

Ações do Comitê de Enfrentamento ao novo Coronavírus prosseguem na próxima semana em diferentes pontos do município

As barreiras com blitze sanitárias seguem em execução nas principais vias de acesso à cidade, dentro das operações de combate à Covid-19, foram 666 veículos abordados em bloqueio do tráfego nos locais de acesso à cidade. A medida está sendo executada pelo Comitê Temporário de Enfrentamento ao Coronavírus (CTECOV), que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), 12ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), Comissão de Vigilância Epidemiológica de Prevenção e Combate à Covid-19, Defesa Civil, Brigada Militar e 1º BCom.

Durante as barreiras sanitárias, as pessoas abordadas são submetidas à aferição da temperatura corporal, respondem questionários sobre a procedência da viagem, deixam seus contatos pessoais e respondem se tiveram contatos com pessoas infectadas ou suspeitas da Covid-19 para o possível monitoramento. Além disso, recebem orientações verbais, panfleto informativo e, caso necessitem, máscaras da SMS.

Durante a aferição, se o motorista ou passageiro apresentar temperatura corporal acima dos 38ºC o mesmo é encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para outras análises médicas.

Na última semana, a barreira foi montada na ERS-344, junto ao posto da Polícia Rodoviária Estadual e nas proximidades da Perimetral Norte, na Rua dos Imigrantes, na Avenida Ipiranga e em diferentes acessos à cidade pela ERS-344, nos lados norte e sul. “As barreiras sanitárias são realizadas por meio de um trabalho conjunto do Comitê Coronavírus, onde automóveis, motocicletas, caminhões e os passageiros dos ônibus passam pela aferição corporal. Também realizamos o mesmo procedimento, em algumas datas definidas pelo Comitê, na estação rodoviária de Santo Ângelo”, explica o secretário de Saúde, Luis Carlos Cavalheiro.

Na manhã deste sábado, as equipes responsáveis pelas barreiras sanitárias estiveram na Avenida Venâncio Aires, acompanhando os agricultores que comercializam a produção no Pavilhão da Agricultura Familiar, bem como consumidores que foram até o local.

Texto/foto: Rodrigo Bergsleithner

Deixe uma resposta